10 de agosto de 2022
HomeDestaqueHomem é baleado na cabeça em Chapadão do Sul

Homem é baleado na cabeça em Chapadão do Sul

Relacionados

Yes! Cosmetiscs de Caarapó com melhor presente para o Paizão

A Mariana Raylla da  Yes!Cosmetics anuncia o presente perfeito...
spot_img

No final da manhã deste domingo (24), um homem identificado apenas como Leandro Pintor, foi baleado com um tiro na cabeça em frente a sua residencia na Rua 12A Centro de Chapadão do Sul.

Segundo informações a vitima e seu vizinho tiveram um desentendimento e após a discussão o acusado sacou de um revolver e fez um disparo, que entrou pelo ouvido e saiu pela boca da vitima.

Após ser atendido em Chapadão do Sul, ele foi transferido com vaga zero para Campo Grande.

O irmão da vitima postou em um grupo que apesar da gravidade do  ferimento, irmão estava consciente no momento de sua transferência.

No vídeo  abaixo,  mostra a vitima, limpando a rua em frente a casa do acusado e em determinado momento ele sai de sua casa e atira em Leandro.

A nossa reportagem apurou que havia uma desavença entre ambos, devido a uma arvores que estava sobre a casa do acusado.

Após disparo o acusado que também é conhecido na cidade, fugiu a pé e até o momento não temos informações se ele foi detido.

Segundo o site Campo Grande News, um vizinho dos envolvidos contou que não viu o momento dos disparos, mas um pouco antes presenciou quando a vítima pediu para o autor autorização para cortar um pé de jurubeba que estava plantado na calçada e que foi autorizado. Apesar do projétil alojado no rosto, a vítima conseguiu conversar com os policias por whatsapp e contou que estava varrendo a calçada do vizinho quando os dois discutiram brevemente.

Segundo o depoimento da vítima, o idoso teria reclamado dizendo “a calçada é minha”, então a vítima respondeu falando “nem a calçada você não varre”, e o homem foi para dentro da casa. Poucos segundos depois, ele saiu armado e atirando contra o vizinho.

A vítima foi atingida perto da orelha direita e o projétil se alojou próximo a boca. Internado na Santa Casa de Campo Grande, o homem aguarda avaliação da fonoaudiologia e transferência para uma unidade hospitalar com otorrinolaringologista. O caso foi registrado da Delegacia de Polícia Civil de Chapadão do Sul como homicídio qualificado por motivo fútil na forma tentada, e por posse irregular de arma de fogo.

fonte: ocorreionews

Últimas Notinias

spot_img