19 de maio de 2022

Após cuspir tereré ao vivo, André Marques se defende: ‘não sou obrigado a gostar’

Author

Categories

Share

Os sul-mato-grossenses foram questionar André Marques após o apresentador cuspir tereré ao experimentar a bebida ao vivo no programa ‘É de Casa’. Nas redes sociais, ele se defendeu, dizendo que ‘não é obrigado a gostar’.

Uma seguidora disse que a reação do apresentador ao provar a bebida típica de MS foi desrespeitosa. Ele respondeu dizendo que jamais faria isso.

“Eu não gostar, não amar, achar ruim, péssimo ou seja lá o que for , não é falta de respeito com nenhuma cultura não sou obrigado a gostar de nenhum alimento, cultural ou não! É um direito meu! amo pantanal, amo MS, isso não muda em nada, por eu não gostar de uma bebida cultural dessas regiões! Respeito é ao povo ,história. Não gostar de uma comida típica de tal local, não te faz desrespeitoso”, justificou.

Polêmica

Já tem três dias que o apresentador André Marques provou e desaprovou o tereré no programa ‘É de Casa’ e, ainda assim, o assunto dá o que falar nas redes sociais.

Isso porque não bastou não gostar da bebida típica de MS: Marques chegou a cuspir a bebida e ainda disse que era uma das piores coisas que havia provado.

Nas redes sociais, a maioria dos sul-mato-grossenses relevaram a “audácia” do apresentador e afirmam que o tereré, bebida originária do Paraguai, é ‘só para os fortes’.

No programa, Patrícia Poeta, gaúcha e acostumada com o sabor forte do chimarrão, logo se pronunciou: “André, assim você acaba com a gente”, rebateu. “Parece boldo”, insistiu André Marques. “Me falaram que é igual comida japonesa, quanto mais você vai provando, você vai se acostumando”, disse Tati Machado.

“Acho impossível eu me acostumar com isso”, insistiu André Marques.

Author

Share