2 de julho de 2022
HomeDestaqueMoradora da aldeia Te’ Yikue perde quase R$ 1 mil em golpe...

Moradora da aldeia Te’ Yikue perde quase R$ 1 mil em golpe na internet

Relacionados

Câmara de Mundo Novo aprovou LDO (Lei de Diretrizes Orçamentarias) e mais dois projetos

Os vereadores mundonovenses aprovaram na noite desta segunda-feira 27,...

Marquinho Trad, André Puccinelli e Eduardo Riedel estão empatados tecnicamente, aponta PercentBrasil

Fonte:ofatonews>  Pesquisa realizada pela empresa PercentBrasil ouviu 600 eleitores...

Homem comete suicídio após encontrar filho morto em carro

Um homem de 37 anos da Virgínia, nos Estados...
spot_img

A moradora da aldeia Te’ Yikue C.B.C., de 36 anos procurou a Delegacia de Polícia Civil de Caarapó, para registrar uma ocorrência de golpe de estelionato.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a comunicante abriu um CNPJ de uma pequena empresa, pois ela realizava algumas compras pela internet, as quais ficavam retidas.

Conforme a moradora, ao passar alguns dias alguém entrou em contato com ela via telefone e lhe ofereceu algumas linhas de crédito de consignados.

Inicialmente lhe ofereceram consignados de R$ 20.000,00 e diante da oferta a comunicante se interessou na contratação. Na ocasião o autor pediu o CNPJ, onde rapidamente retornaram o contato e disseram que o cadastro estava aprovado.

Diante disso deram continuidade na negociação e em seguida ela foi informada que precisaria de um contador, mais que lhe iriam indicar um.

Na sequência a moradora da aldeia entrou em contato com o número indicado e foi informada que o valor solicitado inicialmente seria de R$ 5.000,00. Após isso lhe forneceram alguns dados, e disseram que o sistema registrou divergência de score.

Diante do impasse passaram as tratativas a respeito de aumento de score para a contratante, a qual foi informada de alguns descontos, quando lhe pediram para que ela mandasse R$ 450,00 reais no último dia 18, para a referida liberação.

No mesmo dia a moradora da aldeia recebeu mais uma mensagem sobre a divergência e lhe solicitaram mais R$ 500,00, que foi depositado.

Já no dia 19 lhe solicitaram mais R$ 400. Diante disso a vítima passou a checar as informações e percebeu que havia caído em um golpe.

Mediante ao caso ela procurou a delegacia de Caarapó para informar o caso.

Últimas Notinias

spot_img