2 de julho de 2022
HomeDestaqueReinaldo lança edital com bolsas de R$ 2,8 milhões para professores e...

Reinaldo lança edital com bolsas de R$ 2,8 milhões para professores e alunos

Relacionados

Câmara de Mundo Novo aprovou LDO (Lei de Diretrizes Orçamentarias) e mais dois projetos

Os vereadores mundonovenses aprovaram na noite desta segunda-feira 27,...

Marquinho Trad, André Puccinelli e Eduardo Riedel estão empatados tecnicamente, aponta PercentBrasil

Fonte:ofatonews>  Pesquisa realizada pela empresa PercentBrasil ouviu 600 eleitores...

Homem comete suicídio após encontrar filho morto em carro

Um homem de 37 anos da Virgínia, nos Estados...
spot_img

Está aberto a partir de hoje (16) o período de inscrições na segunda edição do Pictec (Programa de Iniciação Científica e Tecnológica), que oferece 500 bolsas a professores e estudantes do ensino médio da rede estadual. Serão distribuídos R$ 2,8 milhões em 12 meses nesta edição, lançada na manhã de hoje, no Bioparque Pantanal.

São 400 bolsas de R$ 400 para alunos e 100 bolsas de R$ 800 para professores, conforme o diretor-presidente da Fundect, Márcio de Araújo Pereira. A fundação é responsável pelo edital.

“O objetivo é preparar os estudantes para um futuro melhor, despertar a ciência na escola e qualificar os alunos do ensino médio. Podem concorrer professores concursados ou convocados da rede. Eles têm que ter no mínimo uma especialização”, detalhou Márcio, durante o lançamento da edição do programa.

O lançamento contou com a presença do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), que destacou a importância da iniciação científica e outras iniciativas do governo para apoiar a pesquisa. “Nosso Bioparque não é só um espaço de contemplação. É um espaço de estudo científico. Queremos um Estado mais desenvolvido”, disse.

A secretária de Estado de Educação, Maria Cecília Motta, lembrou que o apoio a pesquisa é fundamental desde o início da vida escolar. “Muitos países começam com a pesquisa antes mesmo do ensino médio. O progarma vem colaborar com a escola estadual”, disse.

Reitor pro tempore da UFGD (Universidade federal da Grande Dourados), Lino Sanabri, participou do lançamento. “Os estudantes vão chegar com espírito de curiosidade e principalmente meta de pesquisa na universidade. Espero que acabem inspirando outros alunos a entrarem na pesquisa, a produzir conhecimento e serem mais curiosos”, comentou.

Inscrições – Os coordenadores das propostas de pesquisa têm até 20 de junho para enviar os projetos pelo SIGFundect. Clique aqui para acessar o site.

O resultado das propostas aprovadas será publicado até o dia 1º de setembro. Em 1º de outubro começa o período de pagamento das bolsas com recursos do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul.

Clique aqui para acessar o edital.

Últimas Notinias

spot_img