2 de julho de 2022
HomeDestaqueContrabando perde mais de 6 milhões de reais em cigarros com PRF

Contrabando perde mais de 6 milhões de reais em cigarros com PRF

Relacionados

Câmara de Mundo Novo aprovou LDO (Lei de Diretrizes Orçamentarias) e mais dois projetos

Os vereadores mundonovenses aprovaram na noite desta segunda-feira 27,...

Homem comete suicídio após encontrar filho morto em carro

Um homem de 37 anos da Virgínia, nos Estados...

Bolsonaro leva Tereza Cristina para passeio em motociata

O presidente Jair Bolsonaro (PL) participou de motociata nesta...

Produtor rural de Nova América denuncia furto e abate de suínos

O produtor rural Fabrício Ortoncelli (44) procurou nesta quarta-feira...
spot_img

Na madrugada de segunda para terça-feira (4), policiais rodoviário federais apreenderam 1,2 milhão de carteiras de cigarros contrabandeados do Paraguai, próximo a Ponte Airton Senna. As cargas haviam saído de Mato Grosso do Sul.

Conforme a polícia, na primeira ocorrência, os agentes abordaram um caminhão bitrem na BR-163, na noite de ontem. Nela, havia 600 mil carteiras de cigarro. O motorista, de 32 anos, morador de Natal (RN), contou que um homem o levou de Eldorado para Guaíra, onde ele retirou o veículo e aguardava ordens para levá-lo à Bahia.

Foi descoberto  também que o cavalo do caminhão em questão havia sido roubado em maio de 2018, em Loanda, no Paraná. Dentro do veículo havia varias placas que seriam trocadas no meio do caminho. Mais cigarro Na manhã de hoje, os agentes abordaram, também em Guaíra, motorista de um bitrem, morador de Umuarama. 

Segundo o motorista, ele retirou o caminhão com as chaves no contato em Mundo Novo  para levar para Guaíra, onde aguardaria contato que informaria o destino dos cigarros.

Foram apresentados documentos falsos do caminhão, além de terem sido encontradas várias placas, que seriam trocadas durante o caminho, para ludibriar a fiscalização. Ambos os suspeitos foram levados para a Polícia Federal em Guaíra. Os 1,2 milhão de cigarros apreendidos estão avaliados em cerca de R$ 6 milhões.

JC MS

Últimas Notinias

spot_img